Missão cumprida! Mais de 350 animais atendidos na Ação CÃOmunitária.

Ainda estou sob efeito de tamanha emoção no evento de sábado, revivendo o pensamento de que "Um sonho sonhado por um é apenas um sonho e sonhado por muitos TORNA-SE REALIDADE".

Agradeço comovida às inumeras manifestações de parabéns pelo sucesso do evento, reafirmando minha disposição de continuar nesta árdua luta,  mas extremamente gratificante, e que estou aprendendo agora, na Defesa Animal, e pondo nela todo potencial de articulação, aglutinação e produção, adquirido ao longo da minha vida profissional, agora com muito mais empenho e emoção que eu sei que vem do meu compromisso espiritual.

Praticamente falando, a Ação transcorrreu dentro do esperado,com segurança, tranquilidade, e a participação de todo voluntariado que se envolveu no atendimento humanitario dos problemas pessoais de cada tutor que ali se dirigiu buscando ajuda para os seus bichinhos. Foram mais de 40 pessoas fazendo atendimento  aos mais de 350 animais nos serviços de inscrição,  consulta veterinaria/vacinação, banho e tosa dos animais mais necessitados, aplicação de vermifogos e carrapaticidas,

Fiquei varias vezes extremamente comovida com as pessoas simples que compareceram com enorme  cuidado com os seus bichinhos, para quem sempre tivemos uma palavra especial de carinho, elogios( pelos seus cuidados) e orientaçãoes básicas. Também muito me comoveu a postura de pessoas que eu nao conhecia, mas que tomaram conhecimento da Ação pela midia e me ligaram se colocando à disposiçao para ajudar e AJUDARAM MUITOOOO e hoje são nomes muito especiais na minha lista de parceiros pelos animais. Destaco a Dra. Carol, da Clínica Veterinaria Amor de Bicho, que sozinha, atendeu a mais de 70 animais.

Ainda as estudantes de veterinaria Tiara e Shirley, que deram apoio na tenda médica e Aline Gusmão, fundamental no apoio à microchipagem dos cães sorteados que ganharam um Chip do Projeto Cãochorro(SP)

Tenda Royal Canin
Outra observação que faço foi sobre as inumeras manifestações que recebi dos representantes das empresas privadas, parceiras do evento, que cederam medicamentos, vermifogos, carrapaticidas, etc. como a Royal Canin, Bravet, Supranor, Syntec; Instituto Cãochorro e outras que já colocaram a disposição de  PARTICIPAR DE OUTRAS AÇÕES que venham a ocorrer, manisfestação que nós e os animais, agradecemos antecipadamente.

A Feira de adoções realizou mais de 15 adoções e a venda de produtos da feirinha das ONGs, segundo Simone Sales do MPColina, foi satisfatoria.

Toby sendo tratado pela equipe da Honey Dog

 Mas a adoção do Caozinho resgatado de um canal nos Torrões e levado por populares foi, sem sombra de duvidas, o ponto alto deste trabalho. O cãozinho, que ganhou o nome de TOBY foi adotado la mesmo no evento e será tema de uma materia à parte.

Agradeço a participação, mais do que especial, dos parceiros do Movimento Animal,  Maria Padilha, Simone Sales, Marta Dubeux, Stella Maris, Conceição Maciel, Yona Ponce de León, Ariene Basoli, Neuma Cordeiro e Luiz Leoni, que comprova a nossa união e energia na direção certa.

E a presença fundamental do Poder Público, através da PCR e Governo do Estado, o que comprova que podemos muito mais.



Vejam a seguir: O atendimento veterinario aos animais e a emocionante estoria de Toby, o cãozinho resgatado de um canal e que é agora o "mascote" da Ação Cãomunitaria.

AÇÃO CÃOMUNITÁRIA MOBILIZA DONOS E FÃS DE CACHORROS EM PRAÇA DO CORDEIRO.

Público compareceu em massa ao local

Por Larissa Correia(Assessoria de imprensa PCR)
Fotos:Luciano Ferreira

Uma verdadeira cachorrada invadiu a Praça da Avenida do Forte, no Cordeiro, na manhã e início da tarde do último sábado (29). O motivo: a realização da 1ª Ação Comunitária, promovida pelo blog Dogmidia.com e o projeto Educãodo, com amplo apoio da Prefeitura do Recife (PCR) – por meio das secretariais municipais de Saúde, Meio Ambiente e Serviços Públicos.

Secretarios de Saúde e Meio Ambiente prestigiaram o evento
A proposta do evento era conscientizar e educar a população para diversos aspectos da causa animal. Atento à importância e à necessidade de discutir a questão, o público compareceu em massa ao local. Segundo cálculo dos organizadores, mais de 800 pessoas estiveram na área até o encerramento, por volta das 14h.
Os participantes foram recebidos tanto nas instalações da praça como na estrutura de estandes montada pela PCR, onde voluntários de ONGs e profissionais do CVA - Centro de Vigilância Ambiental da Secretaria de Saúde do Recife consultaram gratuitamente a centenas de bichos. No espaço, foram realizadas palestras, exibidos vídeos e distribuído material educativo sobre temas como maus tratos aos bichos, castração e cuidados com os pets.

Também houve distribuição e sorteio de serviços como vermifugação, banho, tosa, vacinação e noções básicas de adestramento. Quem compareceu à mobilização ainda pôde aprender sobre como evitar a proliferação do mosquito da dengue, assistir a uma etapa do Campeonato Pernambucano de Agility, acompanhar apresentações de cães adestrados e conhecer o trabalho de organizações não-governamentais que atuam na defesa dos direitos dos bichos.

O Secretário municipal de Saúde, Gustavo Couto, prestigiou o evento. “É extremamente gratificante participar de uma atividade como essa, que ocupa um espaço público para divulgar razão tão nobre quanto a defesa da causa dos animais. A mobilização foi fantástica e mostra a nossa disposição de dialogar com os diversos parceiros no que se refere às questões ecológicas, sanitárias e ambientais”, apontou.

Quem também compareceu à ação foi o secretário Roberto Arrais, titular da pasta municipal de Meio-Ambiente. “A realização do evento é um belo trabalho dos envolvidos, tanto do poder público como da iniciativa privada e de entidades que lutam pela proteção e saúde dos animais. É preciso que todos cuidem com carinho dos cães e gatos, que são companheiros e merecem uma vida harmoniosa. Aproveitamos ainda para chamar a atenção para os cuidados com outros elementos da natureza, como rios, mares e vegetação. A conscientização deve ser ampla e global”, comentou.

Uma das organizadoras da Ação Cãomunitária, Goretti Queiroz, avaliou a mobilização de forma positiva. “Discutiremos com a Prefeitura do Recife a realização de novas edições. Fizemos uma grande parceria para este evento e pensamos em torná-lo itinerante”, antecipou. Também foram parceiros da primeira empreitada o Governo do Estado e organizações não-governamentais como o Movimento de Defesa Animal de Pernambuco.

Dados da WSPA Brasil (Sociedade Mundial de Proteção Animal, na sigla em inglês) indicam que um cachorro não-castrado pode produzir 76 mil herdeiros no espaço de sete anos. No mesmo período, um gato que não seja esterilizado contabiliza 420 mil descendentes.

Exemplo – Durante a realização da feira, populares entregaram aos organizadores um poodle abandonado em um canal dos Torrões, bairro da Zona Oeste da capital pernambucana. A suspeita era que ele estivesse cego. Bastante sujo e assustado, o animal ganhou banho completo e muito carinho por parte do público, comovido com sua situação. Depois de receber cuidados veterinários, o bichinho foi encaminhado a um abrigo.

Goretti Queiroz aproveitou a ocorrência para lembrar que maus-tratos a animais configuram crime. “Segundo o Artigo 32 da Lei Ambiental, a pena para quem pratica algo do tipo varia de um a três anos de detenção e multa”, detalhou. A legislação federal se aplica a quem incorrer com prática de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, sejam eles nativos ou exóticos. A chamada Lei de Crimes Ambientais (Nº 9605) foi sancionada em 12 de fevereiro de 1998, pelo então presidente da República Fernando Henrique Cardoso

Ação CÃOmunitaria realiza microchipagem.


Durante o mutirão da Ação CÃOmunitaria, serão realizados sorteios para implantação de microchips em cães. A ação, em parceria com o Projeto do Instituto Cãochorro, objetiva disseminar a implantação do produto que permite o rastreamento dos animais responsabilizando seus tutores em casos de abandono, maus tratos e possibilitando localizá-los em casos de fuga.

Segundo o veterinario Gustavo Mantovani, o  “CãoChorro e outros bichos” é um projeto  desenvolvido para o poder público, porém que depende da participação ativa da sociedade para que “junto” com o poder público (Prefeitura/CCZ/Vigilância Sanitária/Secretaria de Saúde) se cumpra sua principal função, que é o Bem Estar Animal, que acabando com maus tratos, abandonos, superpopulação e impunidades", afirmou.

Outro ponto importante do Projeto é o banco de dados Abrachip. De nada adianta microchipar milhares/milhões de animais se não pudermos acessar e administrar esse contingente de forma rápida e prática. O Abrachip é o único banco de dados que aceita o cadastro de qualquer marca ou modelo de microchip, de forma gratuita.

 Segundo Gustavo, "em uma próxima etapa, iremos aceitar também animais identificados com outras ferramentas além do microchip. Chegamos a conclusão que poderemos trazer muitos proprietários e seus animais para o “clube” dos Responsáveis ao aceitar seus cadastros mesmo sem o microchip. Com certeza a chance de esses animais receberem um microchip aumenta muito quando seus proprietários conhecerem e informarem-se melhor sobre o produto.", concluiu.

O mutirão da Ação CÃOmunitaria  acontece amanha (29) das 08:00 ás 13:00 com ações gratuitas para os cães como consulta veterinaria, vacinação, vermifugação, banho e tosa, recreação para crianças , feira de adoção e palestras com temas sobre posse responsavel, maus tratos, castração, entre outros

Adote um cãozinho- FEIRA DE ADOÇÃO!

Quer encontrar um lindo e querido amigão?

O Mutirão da Ação CÃOmunitaria, também terá uma Feira de Adoção de cães filhotes e adultos, com a participação do Projeto "Adote um Vira-lata" , da UFPE; da Savama; SOS 4 Patas e outras Ongs de proteção animal. Os animais que estarão na Feira esperando por você, já estarão vacinados, vermifugados e os filhotes que ainda não estão castrados receberão uma garantia de castração no CVA/Recife, gratuitamente.

O mutirão ainda terá uma feirinha de produtos pet e equipes do Projeto Educãodo estarão dando noções de adestramento básico para os animais e seus tutores; Os participantes do evento  também poderão apreciar apresentação de Agility ( esporte canino com obstáculos ) e um Dog Show, com demonstração de cães adestrados. O evento acontece sabado, das 08 as 13 hrs, na praça da Avenida do Forte. Não perca!!!

OBS- OS FILHOTINHOS DA FOTO ESTÃO DISPONÍVEIS PARA ADOÇÃO.

Contato: Fátima Cristina (fatimaprotetora@yahoo.com.br)
(81) 8824-4007

ONGs tentam salvar cães e gatos de rua do Iraque e Afeganistão.

O sargento da Marinha Pen Farthing chegou à cidade de Now Zad, na província afegã de Helmand, em novembro de 2006, e se apaixonou pelos cachorros locais. Ajudou a fundar a ONG Nowzad Dogs em maio de 2007, que ajuda as pessoas a levarem bichos adotados do Afeganistão ou Iraque para EUA e Reino Unido (Foto: Divulgação/Nowzad)

Mesmo as mais valentes máquinas de guerra se rendem diante de um cachorro abanando o rabo.
Em meio à ofensiva de Fallujah, uma das mais sangrentas da guerra do Iraque, o pequeno Lava tirou a sorte grande.Achado em uma casa abandonada em 2004, o filhote foi adotado por fuzileiros navais dos EUA. E foi ficando, apesar da rígida proibição militar de alimentar ou manter animais.

 O cachorro Lava e o tenente-coronel Jay Kopelman, que escreveu o livro ‘De Bagdá, com muito amor‘ contando como resgatou Lava do Iraque para a Califórnia (Foto: Divulgação/Nowzad)


E assim virou protagonista de uma história de amor proibido, contada no livro De Bagdá, com Muito Amor, que já vendeu 45 mil cópias no Brasil. Nele, o tenente-coronel Jay Kopelman conta a batalha travada até que Lava pudesse ver o mar da Califórnia.

Na mesma guerra, a ex-soldado britânica Louise Hastie encontrou o gato Simba dentro de um saco de lixo. Pesquisou e descobriu como mandá-lo para o Reino Unido. O feito lhe rendeu pedidos de ajuda, além de fama como “Bagdhad Cat Lady”. Depois, mandou para casa Felix, Pudding e outros. “Acho que minha mãe já não tem lugar pra mais nenhum bicho”, diz ela, que trabalha em uma empresa de segurança e fundou a Baghdad Animal Rescue. A organização uniu-se a outra ONG britânica, a Nowzad, e Louise acaba de se mudar para Cabul, no Afeganistão. Lá, pretende ajudar também burros e cavalos.


A ex-soldado Louise Hastie ficou conhecida como “Baghdad Cat Lady” [Senhora dos Gatos de Bagdá]
após adotar o gato Simba no Iraque e mandá-lo para o Reino Unido, em 2005. (Foto: Divulgação/Nowzad)


Esquadrão da morte


Em Bagdá, não só a guerra e a miséria espreitam os cães de rua. Sob Saddam Hussein, era rotina noturna soldados saírem à caça de cachorros.
Com a derrubada do ditador iraquiano, em 2003, aliada à deficiência dos serviços públicos, o lixo acumulado nas ruas fez as matilhas se multiplicarem. Há estimados 1,25 a 1,5 milhão de cachorros de rua.
Para conter doenças e ataques, Bagdá lançou um programa de abatimento. Com investimento de 35 milhões de dinares iraquianos (R$ 50 mil), 20 equipes com dois atiradores e dois veterinários circulam sacrificando cães. Em julho, o governo anunciou ter exterminado 58 mil cães de rua em três meses.


Fonte: Folha

Solidariedade!!!

As equipes de veterinarios e ONGs do RJ ainda estão atuando na região atingida pelas chuvas e  ainda têm bichos para serem resgatados, em Teresópolis.

Esta foto, da Equipe LFA,  resume todo o sentimento do resgate, realizado sábado. Justifica qualquer esforço. Pura emoção!!!!
Sem comentários ....

MUTIRÃO DE AÇÕES PARA CÃES DE COMUNIDADE

A Praça da avenida do Forte, no Cordeiro, vai receber , sábado,  dia 29, a primeira "Ação CÃOmunitaria do Recife." Será um grande acontecimento que envolverá diversos aspectos relacionados com a Causa Animal e tem como objetivo conscientizar e educar as pessoas.

O evento acontece das 08:00 ás 13:00 com ações gratuitas para os cães como consulta veterinaria, vacinação, vermifugação, banho e tosa, recreação para crianças , feira de adoção e palestras com temas sobre posse responsavel, maus tratos, castração, entre outros.

A Ação Cãomunitaria será realizada em barracas padronizadas com profissionais veterinarios da PCR e voluntarios do Movimento de Defesa Animal, para tratar, orientar e cuidar dos animais. Na barraca de saúde os cães passarão por consulta veterinaria, serão vermifugados e receberão carapaticidas. Em outra barraca, alunos do curso de banho e tosa,Honey Dog, estarão fazendo estes procedimentos a partir de sorteios com os presentes;

A barraca de Palestras receberá a primeira convidada, Maria Padilha, Presidente da AAdama, às 10:00, para falar sobre "Adoção é um Ato de Amor" ; às 10;30 teremos a Palestra da  Dra. Neuza de Barros Marques, cirurgiã  da UFRPE, que também atua na área de Bem Estar Animal, que vai falar sobre a importancia da Castração, seus mitos,  lendas e preconceitos.

As 11:00 teremos uma recreação infantil com transmissão de vídeos sobre "Como criar um amigo " e "Animais, Seres Sencientes", além de distribuição de cartilhas da WSPA para as crianças, sobre posse responsavel. Ás 11:30, as palestras retornam com o tema " Maus tratos é Crime" pelo delegado do Meio Ambiente, Geraldo da Costa.

Durante o mutirão da Ação CÃOmunitaria, serão realizados sorteios para implantação de microchips em cães. A ação, em parceria com o Projeto do Instituto Cãochorro( SP), objetiva disseminar a implantação do produto que permite o rastreamento dos animais responsabilizando seus tutores em casos de abandono, maus tratos e possibilitando localizá-los em casos de fuga

O Evento também terá uma Feira de Adoção de cães filhotes e adultos, com a participação do Projeto "Adote um Vira-lata" , da UFPE; da Savama e outras Ongs de proteção animal e uma feirinha de produtos pet. Equipes do Projeto Educãodo estarão dando noções de adestramento básico para os animais e os participantes poderão, também, apreciar uma etapa do Campeonato Pernambucano de Agility e um Dog Show, com demonstração de cães adestrados.

A Ação Cãomunitaria é uma promoção do blog dogmidia.com e Projeto Educãodo, com apoio do Governo do Estado, Prefeitura do Recife; WSPA e Movimento de Defesa Animal de Pernambuco, além da  iniciativa privada. A entrada é gratuita, mas as pessoas podem levar doação em ração ou qualquer produto veterinario para ser encaminhados para os abrigos de animais
 
INFORMAÇOES: (81) 9976.8912/ 8813.8935


EMPRESAS AMIGAS DOS ANIMAIS: Laboratorios Bravet; Supranor; Merial;  Syntec;
Laborvet; Instituto Cãochorro;  Vida Alegre- Pousada Animal- Aldeia;
HONEY DOG- Curso de Banho e Tosa e Pet Shop; Clinica Veterinaria Dr. Rogerio de Holanda; Clinica Veterinaria Amor de Bicho, churrascaria Pajuçara

APOIO: AADAMA – Associação Amigos Defensores dos Animais e do Meio Ambiente ;
Associação dos Veterinários Sem Fronteira ;Associação de Defesa do Meio Ambiente de PE;
Arca de Noé- PE; BRALA – Brazucas Associação na Luta pelos Animais ;SOS – 4 PATAS ;
Gato Feliz & CIA ;MPC - Movimento de Proteção Colina ;Rede de Adoção de Animais de Recife ;
SAVAMA (Serviço de auxílio á Vida Animal e ao Meio Ambiente) ;Projeto Adote um Vira Lata da Universidade Federal de Pernambuco;

Uma casa para LUA.

"Lua é uma cadelinha de mais ou menos 1 ano. Eu a socorri perto de casa quando ela foi atropelada por uma moto. Isso foi há quase 5 meses e agora ela está super bem. Lua é muito brincalhona, meiga e doce. Se dá bem com outros cães e gatos. Ela já está vermifugada, vacinada e esterilizada. Gostaria muito de ficar com ela, mas moro em apartamento, já tenho outros cães e gatos e realmente não posso ter mais nenhum...

Quem se interessar pode entrar em contato comigo pelo e-mail: adora.xena@hotmail.com ou pelo telefone: (81) 32684773. "

Muito obrigada, Cristina :0)

Nota publicada.

Recife, 22 de Janeiro de 2011 - Sábado

COLUNA JC NAS RUAS

Dia de cão
A Praça da Avenida do Forte, Cordeiro, vai receber a primeira Ação “Cãomunitária” do Recife, sábado. Das 8h às 13h, haverá consultas, vacinação, vermifugação, banho e tosa para cães, além de recreação para as crianças. Tudo de graça

Poodle perdido no Espinheiro- Urgente!

No dia 20/01/10 o cachorrinho "Floc" fugiu de um apartamento na rua da Hora, no bairro do espinheiro.  Floc é um poodle branco que está acostumado só em apartamento e corre serios riscos de ser atropelado na rua.


A última vez que ele foi visto, segundo informações, foi na rua Santo Elias- espinheiro, tentaram pegá-lo mas ele correu assustado, quando fugiu estava de gravata vermelha.

Contatos:

Renata Lacet-81- 9235-3525
Cleudes Lacet-81- 9162-5944

Os Essenios e o vegetarianismo.

Solidariedade Animal.

video

Defesa Civil descumpre lei federal 24.645 e exige despejo de animais acolhidos por ONGs, na Região Serrana

Temos acompanhando, diariamente,e com muita preocupação, as tragédias que vêm ocorrendo com as fortes chuvas na Região Serrana do RJ.Não só humanos estão sofrendo, os animais também precisam muito de nossa ajuda.

Apenas em um bairro de Teresópolis, 160 animais foram recolhidos de casas abandonadas.Ongs de defesa animal, sem ajuda do poder público, têm trabalhado incansávelmente, na tentativa de resgatar estes animas e os que estão vagando pelas ruas das regiões atingidas.

Como medida emergencial, protetores e voluntários, estão arrecadando ração, remédios, e conseguiram um galpão para concentrar os animas, na esperança de localizar o responsável por cada animal, ou conseguir uma adoção para cada um deles.

Como se já não bastassem todas as dificuldades que os protetores têm para ajudar os animais, vítimas das enchentes na Região Serrana do Rio de Janeiro, agora as autoridades estão pressionando para que seja desocupado o espaço onde estão alojados os animais perdidos e abandonados.

Segundo informações do Grupo Vira Lata que está atuando na região,  contato@vira-lata.net, a Defesa Civil carioca quer fechar o galpão que serve de abrigo para esses animais em Itaipava sob a alegação de que é uma questão de saúde pública, dizem que os cães e gatos devem voltar para a rua. Os animais que estão no abrigo, estão recebendo assistência veterinária, medicamentos, inclusive vacinas e  alimentação.

Vejam as fotos e verifiquem, apesar da dificuldade que os voluntários enfrentam, o cuidado e respeito com que estes animais foram acolhidos.

Mais uma vez, voluntários estão fazendo o trabalho que o poder publico se nega a assumir .Lembramos que TODOS OS ANIMAIS EXISTENTES NO PAÍS SÃO TUTELADOS PELO ESTADO (decreto lei 24.645).

A arbitrariedade deste ato e a omissão do poder público, precisam ser combatidos. Pedimos que divulguem essa mensagem e escrevam para a Defesa Cívil e para a Presidente Dilma Roussef cobrando urgência no acolhimento e cuidados com os animais da região serrana.
Abandonar animais feridos, e deixar de ministra-lhe o necessário, é CRIME!

Lei N° 24.645

Art. 1. – Todos os animais existentes no País são tutelados do Estado.

Art. 2. – Aquele que, em lugar público ou privado, aplicar ou fizer aplicar maus tratos aos animais, incorrerá em multa de Cr$.. e na pena de prisão celular de 2 a 15 dias, quer o delinqüente seja ou não o respectivo proprietário, sem prejuízo da ação civil que possa caber.

Art. 3. – Consideram-se maus tratos:

V – Abandonar animal doente, ferido, extenuado ou mutilado, bem como deixar de ministrar-lhe tudo o que humanitariamente se lhe possa prover, inclusive assistência veterinária;

Não desampare os animais!


Vamos cumprir nosso direito de cidadão: Mande um e-mail para a Defesa Cívil e para a presidente Dilma Roussef, exigindo que a Lei Federal 24.645 seja cumprida.

Contatos:

Presidente falepr@palacio.planalto.gov.br

Defesa Cívil: comandante@cbmerj.rj.gov.br



Justiça à um cavalo.

Carroceiro é condenado pelo Juizado de São José dos Campos por maus-tratos a um cavalo


O juiz Marcos Alexandre Bronzatto Pagan condenou, no Juizado Especial Criminal de São José dos Campos, o carroceiro Edgard Fernandes da Silva por crime de abuso e maus-tratos a um cavalo alazão (artigo 32 da Lei 9.605/98), fixando a pena em 20 dias-multa e decretando a retirada do animal da posse do infrator.

A denúncia havia sido oferecida pelo promotor Laerte Levai – que também é colunista da ANDA – depois de colher o depoimento de três testemunhas, tendo uma delas filmado o indiciado forçando seu cavalo a movimentar uma carroça carregada de entulho, mediante chibatadas, em uma ladeira.

A situação abusiva foi confirmada, nos autos, pela zootecnista Juliana Lisboa, que forneceu laudo à promotoria. Após o início do processo o réu desapareceu e tornou-se revel, desfazendo-se do cavalo. A partir daí numerosas diligências foram feitas para encontrar o animal, sem êxito.

No fim de 2010 a Prefeitura de São José dos Campos conseguiu localizar o cavalo, que foi encaminhado ao CCZ para ser submetido a exames laboratoriais.Pretende-se, em seguida, encaminhar o cavalo para um haras da região, onde ele viverá o resto de sua vida em liberdade.

Como o processo (n. 577.09.776418-9/JECRIM de São José dos Campos) já transitou em julgado, essa decisão judicial transformou-se em jurisprudência e pode ser invocada em outros casos semelhantes.

Cão Weimaraner para adoção.

Este Cão da raça Weimaraner precisa de cuidados e está para adoção. Fisicamente, é um cão de porte médio-pesado e formas bonitas. Com altura de 59 a 70 centímetros, cabeça larga, nariz rosado escuro, focinho longo e forte, stop mínimo, orelhas largas e compridas, olhos de cor âmbar, cauda cortada em 4 cm nos países que permitem essa prática. Seus membros são longos e musculosos, o pêlo é fino e pode ser curto ou longo, nas cores cinza prateado (o mais comum), cinza-cervo ou cinza-rato. O corpo é musculoso, balanceado e gracioso, com movimentos rápidos e leves.

Seu temperamento é vivo, sincero, afetuoso e alegre.  Este cão é extremamente fiel, se bem treinado, gosta muito de correr e brincar, não é agressivo e é meigo com as crianças. Ele tem uma paciência incrível com todos da casa. É um cão que não tolera ficar muito tempo no canil. Alguns weimaraner latem muito e escalam cercas. São ótimos caçadores. Muito dócil, mas sabe proteger o dono e seu ambiente, quando necessário. É também desportivo e versátil, pois tem boa resistência física. Curioso, é dotado de uma habilidade única para imitar os movimentos humanos como, por exemplo, abrir trincos e maçanetas para fugir de casa.

O Presidente Eisenhower(EUA) possuía um exemplar, que foi o segundo cão a entrar na Casa Branca. Quando pequenos nascem com a coloração dos olhos verdes ou azuis.Quando ficam maiores seus olhos ficam com a coloração âmbar.


Contato:
email : zequeirogaguimaraes@hotmail.com

(81) 3458-5153 ( Aldeia)
(81) 92938141

Protetor de animais...

"(...) E, um dia, na mais absoluta solidão - eu já não tinha mais vontade de me alimentar nem de chorar, e nem fé do altíssimo eu tinha mais - e nesse momento aproximou-se de mim um cão vadio.

Esse animal era só Luz. Ele não tinha nenhuma treva, nenhuma escuridão. Ele era infinita Luz. E sentou-se ao meu lado sem nada pedir(...) senti vir dele a chama mais calorosa e permeada de amor que nenhuma mulher, nem amigo, e nem sequer o colo de minha mãe tinham me oferecido.(...) E assim eu me tornei quem eu sou: O Protetor dos Animais.

Mas eu lhes digo: muitas vezes, muitas vezes mesmo, eu fui protegido por eles...e amado...muitas vezes mais do que protegi. (...)

Filhotinhos jogados no lixo.

ESTES 5 FILHOTINHOS FORAM ENCONTRADOS NO LIXO . SÃO 3 FÊMEAS BRANQUINHAS E 2 MACHINHOS CINZENTOS, E ESTAVAM MORRENDO DE FOME.  

UMA PESSOA ESTÁ ALIMENTADO-OS , MAS NÃO PODE LEVÁ-LOS PARA CASA. PRECISAMOS ACHAR, URGENTE, UM LAR MESMO QUE TEMPORÁRIO .
CONTATO:
Patrícia Pessoa
TEL:(81) 8887-6838

As ações do SOS Animal.

Este é o relato de um Grupo de  Defensores de Animais de Itapaiva-RJ que está atuando no atendimento na Região:

Itaipava, 16.01.11.
Amigos e Amigas,

Desculpem só estar atualizando nossas ações agora, pois ontem chegamos exaustos em casa às 22:00h e hoje saímos cedo para tentar chegar ao nosso lar provisório do Sítio Girassol, no Vale do Cuiabá, em Itaipava.

Ontem, fizemos o acesso tradicional pela estrada que leva ao Vale .

A primeira parada foi no Centro de Acolhimento e Ginásio do Boa Esperança, onde Carla Maduro e Luciana Imbert prestaram assistência aos que possuíam animais e ali estavam,

Em seguida paramos no "Buraco do Sapo", onde ajudamos a desobstruir o caminho do cavalinho que ficou preso dentro de uma casa em ruínas, mas infelizmente, sua pata traseira esquerda estava quebrada e muitíssimo inchada. Dr. Wilson Grassi, que veio com sua equipe de SP para nos apoiar, aplicou analgégico e antiinflamatório e a Dra. Rosana Portugal, que também nos acompanhou, ficou de voltar no dia seguinte para fazer a eutanásia, pois as máquinas ainda iriam liberar o acesso para retirada do corpo.

Também resgatamos duas gatinhas que vagavam entre escombros e uma poodle branca grávida que estava sozinha numa casa destruída que ainda era seu abrigo.

Resgatamos também duas filhotas de outra casa, deixamos ração com moradores da localidade e seguimos adiante.

Fomos até o abrigo da Igreja do Divino, onde auxiliamos no atendimento aos animais que ali estavam, deixamos mais ração, leite em pó e água e seguimos em frente, apesar de estar anoitecendo, pois nosso objetivo era chegar ao ponto final do ônibus.

No caminho, muita lama e destruição. Paramos pouco depois do Centro de Treinamento dos Cavalos de Corrida e ouvimos o silencio da morte. Nem pessoas, nem animais, nem pássaros. Só o rio e um silêncio assustador.

Pouco depois, fomos obrigados a desistir da marcha, pois a chuva apertou e nem motos passavam para onde queríamos ir.

Voltamos, fizemos mais uma parada num outro abrigo, onde deixamos mais donativos, o Dr. Wilson e sua equipe atenderam mais animais, que estavam ali com suas famílias e finalmente retornamos.

Não vimos animais nas ruas ou nas casas destruídas. Tivemos a impressão de que ou se salvaram ou morreram.

Muitas pessoas deixaram suas casas, mas estão retornando diariamente para alimentar e olhar por seus amigos peludos.

No próximo e-mail, descrevo como, finalmente, hoje alcançamos o Sítio Girassol, depois de uma hora de caminhada na lama e debaixo de chuva.

Colocarei também, no YouTube, os filmes.

Muito obrigsdo pelas mensagens e solidariedade demonstrada por todos.

Carlos Eduardo da Cunha Pereira
Coordenador de Atividades
GAPA-MA


Sem palavras....

Será que nós humanos temos essa fidelidade com nossos afetos?
Por isso eu digo e reafirmo, temos muito que aprender, apreender e acima de tudo respeitar a sabedoria das outras formas de vida .


Doações URGENTE- SOS animais.

As enchentes na Região Serrana do Rio de Janeiro atingiram gravemente muitos animais. Até agora foram contabilizadas quase 300 mortes de cavalos, cães, gatos e outros animais. Esse número pode subir ainda mais. Outras centenas de animais estão feridos e precisam muito da ajuda de todos. Parte deles estão em áreas isoladas desde a madrugada da terça-feira, sem água, sem comida.


Diante da calamidade que atingiu também os animais, em São Paulo e no Rio de Janeiro foram montados postos de arrecadação para salvar a vida desses animais.

Para quem mora em outros estados, é possível fazer doações em dinheiro para WSPA:

Defensores dos Animais
Banco Bradesco
Agência 279-8
Conta-poupança: 172813-0
O que doar:

- água

- ração (seca e em lata, para cães e gatos)

- alimento especial para os mais fracos Hill’s A/D

- vermífugos

- antipulgas e carrapatos

- medicamentos veterinários

- jornais

- potes plásticos para colocar ração e água

- toalhas

- antibióticos

- anti-inflamatórios

- antitérmicos

- anestésicos

- analgésicos

- descartáveis (luvas, seringas, faixas, gaze, soro fisiológico, cateter etc)

- cobertores

- entre outros itens



Dê chá para o seu cãozinho!


Remédios naturais podem ajudar no bem-estar do cãozinho

A fitoterapia pode curar desde feridas a dores musculares do seu bichinho de estimação
Há dias em que seu bichinho parece triste. Em outros, ele fica agitadíssimo, e nada o faz acalmar. Em situações como essas, um chazinho pode ajudá-lo a melhorar. Isso mesmo! Como nós, os animais também se beneficiam das propriedades das plantas medicinais. “A fitoterapia pode curar desde feridas até dores articulares. E o melhor: os efeitos colaterais são menores e o preço é mais em conta”, afirma a veterinária homeopata Sandra Pinto. Atenção: é importante consultar um veterinário, já que a diferença entre remédio e veneno está apenas na dose.
Veja os chás mais receitados:

Chá de camomila alivia cólicas: Dilua uma xícara de chá em 1/2 xícara de água. Deixe na vasilha até ele beber. Além de aliviar cólicas, a camomila deixa o animal mais tranqüilo.

Própolis trata irritações na pele: Dilua a essência em água e, com uma gaze, passe sobre a pele machucada. Não deixe que ele lamba a área tratada.

Arnica contra inchaço. Use a pomada feita à base de arnica (encontrada em lojas de produtos naturais ou farmácias de manipulação) para reduzir inchaços e edemas.

Hortelã melhora a respiração. Ferva as folhas da hortelã em água potável e deixe seu bichinho sentir o aroma da planta, como uma inalação. Cuidado: não o deixe encostar o focinho na água quente.

Melissa e passifloral acalmam. Dilua uma xícara de chá em 1/2 xícara de água para acalmar seu bichinho. Deixe disponível em sua tigela até ele beber.

Como aplicar:

Chá: dilua na água do seu amigo.
Cápsula: em animais agressivos, podem ser diluídas em água. Mas se o seu cão é tranqüilo, tente enganá-lo, “escondendo” a cápsula no meio da ração.·
Inalação: ferva as folhas da planta e deixe seu animalzinho sentir o aroma

 

Gatinhos salvos no Rio.

Estes dois gatinhos foram salvos de morrer afogados depois que uma criatura das trevas os jogou às margens do rio capibaribe. Um dos irmãos não pôde ser resgatado. 
 Eles são lindos e perfeitos.. Agradeço a todos que ajudem.. e os bichanos tambem agradecem ;)

Contato: Lorena

Mutirão "Animal" para o Rio de Janeiro.

Infelizmente nas grandes tragedias que acontecem neste momento da transisão planetária, não só os humanos sofrem, os animais também padecem por todo descaso que o homem cometeu à natureza. Felizmente grupos se mobilizam na função de levar ajuda aos necessitados, inclusive aos animais, muitos perdidos nas ruas, feridos, desesperados, com fome, sede, frio e longe dos seus tutores.

A WSPA - Organização Mundial de Proteção Animal, está organizando um mutirão de veterinarios, numa CORRENTE ANIMAL, que está se deslocando para o Rio de Janeiro para cuidar desta população. Também estão sendo arrecadados  ração para cães, gatos, adultos e filhotes, carne de latinha, se possivel algumas Hill´s A/D para os mais fracos, medicamentos, materiais hospitalares, jornais enfim, tudo o que for possivel para levar e amenizar o sofrimento de todos.

Qualquer doação será bem recebida: antibioticos, anestésicos, anti inflamatórios, anti pulgas, etc.

Contatos: Amelia Margarida de Oliviera
Rua Marcos Portugal, 224
Ipiranga - São Paulo-CEP 04280-030
(próximo ao metrô Sacomã e ao terminal Sacomã de ônibus)
Fones 11- 5062.8522 / 11- 2592.2645
Cel 11- 8778.1792 ou 8298.9261

DOAÇÕES EM DINHEIRO

Bradesco
AG : 2925-4
C/C 4090-8
Amelia Margarida de Oliviera - ME

Cuidados com os cães no verão.

Os cães atingem temperaturas elevadas mais rapidamente que os humanos. Os cães regulam a temperatura corporal através da respiração.

ÁGUA

Os cães precisam tomar mais água no verão. Deixe sempre uma vasilha com água fresca à disposição.

Durante os passeios leve sempre uma garrafa de água.

CAMINHADAS

Passear com o cão em dias quentes só nos horários em que o sol é mais ameno: no começo da manhã ou no final da tarde porque o cão se cansa mais rapidamente, o chão quente machuca as patas e os raios solares podem causar queimaduras nas áreas mais sensíveis

PROTETOR SOLAR

Passe nas áreas mais sensíveis (focinho e as pontas das orelhas) especialmente em cães de pelos curtos ou pele clara. Para evitar reações alérgicas, use protetores desenvolvidos para animais (encontrados em pet shop) .

SOMBRA

Se o cão fica no quintal, deve ter um local fresco e à sombra para descansar.
TOSA

Aproveite para tosar o cão no verão.

CÃES NA PRAIA

Muitas praias não permitem o acesso de cães. Siga a lei. Se for passear na calçada , recolha as fezes. Se for permitido o acesso de cães na praia, além de recolher as fezes, fique atento pois a água do mar pode causar alergias e no contato com a areia o cão pode pegar bicho-de-pé, pulgas e carrapatos...

A FALTA DOS CUIDADOS ACIMA PODEM PREDISPOR O CÃO A UM CHOQUE DE CALOR
que acontece quando o cão perde a sua capacidade natural de regular a temperatura corporal.
Temperaturas elevadas causam reações químicas que matam as células do corpo o que leva á desidratação e ao espessamento do sangue. Isto provoca uma pressão sobre o coração, causa coagulação sanguínea e posteriormente leva à morte dos tecidos. O fígado, o cérebro e as células do intestino são os primeiros a serem afetados e isto pode ocorrer muito rapidamente.

Os cães regulam a temperatura corporal através da respiração. Cães que sofrem de alguma doença respiratória ou que os que são "braquicéfalos" (“cara amassada”: Shih Tzu, Bulldog, Boxer, Pug) tem uma maior predisposição de aquecerem mais rapidamente.

SINTOMAS DE CHOQUE DE CALOR

Respiração acelarada (hiperventilação)
Língua avermelhada
Gengivas secas e pálidas
Hipersiália (aumento da produção de saliva) - saliva espessa
Vomito - por vezes com sangue
Pulso rápido ou irregular
Depressão, Fraqueza, Tonturas, Diarréia, Convulsões, Coma.

CUIDADOS DE URGÊNCIA PARA SALVAR O CÃO

- Aplique água na barriga, na face interna das coxas e nas almofadas das patas.
- Molhe o cão com água corrente - em temperatura ambiente.
-Não o mergulhe o cão totalmente na água - isto pode causar a diminuição brusca da temperatura e levar a outros problemas.
-Não use água gelada - isto vai causar uma vasoconstrição, o que aumenta o fluxo sanguíneo e retarda o arrefecimento.
- Em seguida leve-o rapidamente a um Veterinário.

NUNCA DEIXE SEU COMPANHEIRO CANINO DENTRO DO CARRO EM DIA DE CALOR.
NÃO PASSEIE SOB SOL FORTE OU ENQUANTO O CHÃO ESTIVER QUENTE.
EM CASA, GARANTA QUE ELE POSSA DESCANSAR EM LOCAL FRESCO E À SOMBRA.

Filhotinha resgatada espera por você!

Olá Pessoal!

Ontem (07/01) estava esperando pra deixar meu carro numa oficina quando vi essa cadelinha no meio da rua indo atrás de cada um que passava, e vi pessoas alisando e deixando ela pra lá, como vi pessoas assustando, chutando e ignorando-a, mas ela sempre com o rabinho abanando...

Aconteceu que eu não pude deixar o carro na oficina e quando fui saindo, um caminhão quase a atropelou, então não aguentei mais e a chamei, e então ela veio correndo com o rabo abanando e com essa cara de pidona. Vi que tava meio sujinha e decidi achar um lar pra ela.

Trouxe-a pra casa, demos banho, comida, passamos remédio para carrapatos e pulgas e vimos que ela é muito carinhosa e carente, mas infelizmente não podemos ficar com ela, pois já temos 4 gatos e em breve iremos nos mudar para o Canadá, portanto caso você tenha interesse e realmente vá cuidar e amar de verdade, entre em contato comigo.

Repasse essa informação e nos ajude a achar um lar para ela.

Atenciosamente.
Alexandre mailto:alexmalta@gmail.com
42032153/ 81963728

"Eis que o temor do Senhor é a sabedoria, e apartar-se do mal é a inteligência." Jó 28:28


Cuidados especiais com animais idosos

Cães e gatos passam pelo mesmo processo de envelhecimento que o homem. Só que isto ocorre em um espaço de tempo muito mais curto. Quando o seu animal de estimação alcança a meia idade, ao redor de seis ou sete anos, é aconselhável passar a visitar o veterinário pelo menos duas vezes ao ano.

Muitos dos problemas enfrentados pelos animais de estimação de meia idade podem ser administrados através de modificações da dieta ou uso de medicamentos. Estes problemas podem ser detectados mais cedo se o seu veterinário examinar o seu animal de estimação regularmente.

Importante: procure sempre o seu veterinário. Ele sabe o que é melhor para o seu animal de estimação.

Fonte: Pfizer-Saúde Animal

Saúde e bem estar do seu animal.

Tico e Teco podem ser seus.

Estes lindinhos são o TICO e o TECO. Estão disponiveis para adoção. Eles já estão vacinados, vermifugados e castrados. São dóceis e meigos. O ideal seria que a adoção fosse conjunta, pois eles são muito unidos, mas toda ação será benvinda, em dupla ou individual.


Contato: Kiran-(81) 8838 19 42
Skype: popcornfield


Fanny pode ser adotada!

Esta meiga cadelinha  está disponível para adoção. A castração dela já está  garantida. 
Quem for adotá-la já a levará  para uma clínica, junto com Regiane, que é a pessoa que está de posse da cadelinha ,e fará a castração. Quem se interessar pode ligar.

Andreza
34526511 (trab.) / 88135815 / 34814995 (casa)

Cuidado com as Vacinas

As vacinas são a maneira mais prática e econômica de proteger os animais. Elas são produzidas com produtos biológicos que, quando absorvidos pelo organismo animal ou humano, provocam uma reação que resulta na produção de anticorpos contra determinada doença.

Cada tipo de vacina tem características próprias. Por exemplo: como deve ser aplicada no animal, quando deve ser utilizada, como deve ser conservada e qual o seu tempo de validade. Todas as recomendações da vacina devem ser seguidas à risca.

A imunidade oferecida pelas vacinas não entra em ação logo após a vacinação. O tempo para a imunização varia de acordo com cada vacina, mas os veterinários recomendam que o animal não se exponha nos primeiros 21 dias depois de vacinado. Durante este período o animal poderá adoecer.

A escolha da vacina é outro fato que não deve ser esquecido pelos donos de cães e gatos. O laboratório que produz a vacina deve ser confiável e fiscalizado pelos órgãos competentes. Geralmente as vacinas importadas são as mais indicadas, já que passam por uma fiscalização mais rigorosa.

CALENDÁRIO DE VACINAÇÃO

CÃES

1ª dose:
De 45 a 60 dias de vida: cinomose, parvovirose, coronavirose
2ª dose:
De 75 a 90 dias de vida: cinomose, parvovirose, coronavirose, tétano
3ª dose:
De 105 a 120 dias de vida: óctupla (V8), tétano
4ª dose:
De 135 a 150 dias de vida: óctupla (V8), tétano
Raiva:
A partir dos quatro meses
Reforço anual:
Óctupla (V8) e raiva

GATOS

1ª dose:
Aos 60 dias de vida: vacina múltipla (quádrupla ou quíntupla)
2ª dose:
Aos 90 dias de vida: segunda dose vacina múltipla
Raiva:
A partir dos quatro meses
Reforço anual:
Vacina múltipla e raiva

PRECAUÇÕES

. Antes da vacinação, os filhotes devem ser vermifugados aos 15 dias de vida, e receber o reforço aos 30 dias;
. O animal só deve ser vacinado em bom estado de saúde;
. Os filhotes de cães não devem ser vacinados com menos de 45 dias de idade;
. O intervalo entre as vacinas pode ser de, no mínimo, 21 dias;
. A vacinação funciona melhor quando dada em um animal saudável;
. Os animais não devem ser vacinados após longas caminhadas, pois o cansaço é um fator de estresse.

Bom sinal:

TVE deixa de transmitir tourada, e considera-a violência contra animais.
Fonte: http://www.abola.pt/mundos/ver.aspx?id=241085

Estocada de morte nas corridas de touros em Espanha? A TVE, canal estatal espanhol, decidiu deixar de transmitir touradas, espectáculo que no novo Manual de estilo da estação surge catalogado como violência contra animais.
De acordo com o documento entregue à comissão de Controlo do Congresso e do Senado, a RTVE não vai transmitir corridas de touro, uma vez que os seus horários coincidem com o horário protegido ou de especial protecção da infância.
Apesar de admitir que não transmitirá touradas para evitar que as crianças sofram de ansiedade, o canal estatal espanhol garante que não é indiferente à importância da tourada, espectáculo com muitos aficionados em Espanha.
Assim, a TVE vai apostar no acompanhamento informativo de aspetos artísticos, literários, ambientais e sociais, sobre a tauromaquia.
Fora da exclusão de transmissões estão as festas de San Fermín, nas quais são libertados touros nas ruas de Pamplona

FIEL tem um novo lar.

Mais uma daoção no Sitio Colina: O belo cão  Fiel Colina foi adotado pela  família de Fabio L.C, residente em Linha do Tiro, Recife.
Fiel é um cão SRD, adulto, ex-domiciliado, abandonado no sítio cães da Colina por seus antigos guardiães.
De temperamento amoroso e valente, sabe impor respeito aos estranhos com seus latidos, ao tempo em que também se deleita com os afagos recebidos. Basta ver sua foto no momento da adoção! Seu olhar para Fábio é de puro reconhecimento amoroso- pela dádiva da adoção! Sabe que ganhou um Lar e faz o que nós humanos não sabemos, se entrega todo sem nenhum medo! Confia que será feliz!

Como temos que aprender com vocês, esse saber amar,confiar, proteger, perdoar, e essa alegria com que abençoam a vida, em suas mínimas manifestações!

Simone Sales-Presidente MPColina
3426.7949/96802111/8577.1836

Inacia espera um LAR!

Pessoal esta é a Inácia , uma garota que como muitas está em um lar provisório aguardando ser escolhida por uma família definitiva , para continuar a receber cuidados amor e atenção  que todo Ser necessita.
 Ela é muito jóvem , menos de um ano , castrada , vacinada, super sadável , ativa , meiga, brincalhona , adora a presença de pessoas, esperando ter uma família em 011.

 Para maiores informaçoes  por favor entrar em contato pelo fone : 9239.6674, (protetora Neuma , ou Doroty).

Poodle branca encontrada em Casa Amarela.

Uma cadelinha POODLE BRANCA foi resgatada quando estava correndo sozinha no meio da rua, perto do Hospital Agamenon Magalhães (Casa Amarela). Ela está de coleira - rosa, com alguns ossinhos azuis - e extramamente exausta e assustada. Ela está internada numa clínica veterinária

para cuidados. Se alguem souber quem está procurando uma cadelinha com estas características entrar em contato : siciliabrito@gmail.com

Maus tratos é CRIME- veja como denunciar

Este blog recebe, diariamente, varias denuncias de maus tratos e questionamentos de como devem proceder. Imprimam estas informações abaixo  e tenham sempre em mãos quando presenciarem ou souberem de vizinhos praticando maus tratos ou em vias públicas.  Maus tratos é CRIME, previsto no ARTIGO 32º DA  LEI DE CRIMES AMBIENTAIS com pena de 1 a 3 anos de PRISÃO.

Não se omita! Eles não podem falar, mas você pode agir para ajudar!


Exemplos de Maus Tratos:

- Abandonar, espancar, golpear, mutilar e envenenar;
- Manter preso permanentemente em correntes;
- Manter em locais pequenos e anti-higiênicos;
- Não abrigar do sol, da chuva e do frio;
- Deixar sem ventilação ou luz solar;
- Não dar água e comida diariamente;
- Negar assistência veterinária ao animal doente ou ferido;
- Obrigar a trabalho excessivo ou superior a sua força;
- Capturar animais silvestres;
- Utilizar animal em shows que possam lhe causar pânico ou estresse;
- Promover violência como rinhas de galo, farra-do-boi, etc..

Como denunciar o caso para a Polícia:

1 - Certifique-se que a denúncia é verdadeira. Falsa denúncia é crime conforme artigo 340 do Código Penal Brasileiro.

2 - Tendo certeza que a denúncia procede, tente enquadrar o “crime” em uma das leis de crimes ambientais.

3 - Avise, faça com que o infrator esteja ciente de que está cometendo um crime, que alguém está de olho nele. Você pode escrever uma carta explicando a infração ao próprio infrator e dando um prazo para que a situação seja regularizada

4 - Se for situação flagrante ou emergência chame o 190. E diga exatamente: Meu nome é “X” e eu preciso de uma viatura no endereço “X” porque está ocorrendo um crime neste exato momento.

Provavelmente você será questionado sobre detalhes do crime, diga: - Trata-se de um crime ambiental, pois “um(a) senhor(a)” está infringindo a lei DE CRIMES AMBIENTAIS- ARTIGO 32” e é necessária a presença de uma viatura com urgência.


5- Sua próxima preocupação é com a preservação das provas e envolvidos. Se possível não seja notado até a chegada da polícia, pois um flagrante tem muito mais validade perante processos judiciais.

6 -Ao chegar a viatura, apresente-se com calma e muita educação. Lembre-se: O Policial está acostumado a lidar com crimes muito graves e não deve estar familiarizado sobre as leis ambientais e de crimes contra animais.

7 - Neste momento você deverá esclarecer ao policial como ficou sabendo dos fatos (denúncia anônima ou não), citar qual lei o(a) senhor(a) está infringindo e entregar uma cópia da lei ao policial.

8 - Após isso, seu papel é atuar junto ao policial e conduzir todos à delegacia mais próxima para a elaboração do TC (Termo Circunstanciado).

9 - Ao chegar à delegacia apresente-se calma e educadamente ao Delegado. Lembre-se: O Delegado de Polícia está acostumado a lidar com crimes muito graves e não deve estar familiarizado sobre as leis ambientais e de crimes contra animais.

10 -Conte detalhadamente tudo o que aconteceu, como ficou sabendo, o que você averiguou pessoalmente, a chegada da viatura e o desenrolar dos fatos até aquele momento. Cite a(s) lei(s) infringida(s) e entregue uma cópia ao Delegado (Isso é muito importante).

11- No caso de animais mortos ou provas materiais é necessário encaminhar para algum Hospital Veterinário ou Instituto Responsável e solicitar laudo técnico sobre a causa da morte, por exemplo. Peça isso ao Delegado durante a elaboração do TC.

12 - Todo esse procedimento pode levar horas na delegacia. Mas é o primeiro passo para a aplicação das leis e depende exclusivamente da sociedade.

Depende de Nós!

1 - Fotografe e/ou filme os animais vítimas de maus-tratos. Provas e documentos são fundamentais para combater transgressões.
2 - Obtenha o maior número de informações possíveis para identificar o agressor: nome completo, profissão, endereço residencial ou do trabalho.
3 - Em caso de atropelamento ou abandono, anote a placa do carro para identificação no Detran.
4 - Peça sempre cópia ou número do TC e acompanhe o processo.
5 - É extremamente importante processar o infrator, para que ele passe a ter maus antecedentes junto à Justiça.
6 - Não tenha medo de denunciar. Você figura apenas como testemunha do caso. Quem denuncia, na prática, é o Estado.

Contatos Importantes: EM RECIFE

Delegacia do Meio Ambiente (81)3184.7119 e 3184.7121

o email: dp.meioambiente@gmail.com. Os Delegados são Drs: Verônica e Geraldo. Horario de funcionamento segunda a sexta das 08:00 ás 18:00 hs.

Carta aos donos de cães acorrentados

Querido dono,

Consegui que escrevessem esta carta por mim. Nem sabes a alegria que sinto por poder comunicar contigo. Todos os dias, desde aquele dia longínquo em que me colocaste a corrente no pescoço e me prendeste neste espaço, eu sonho que me vens visitar e fazer festinhas como me fazias quando eu era um bebê. Eu sonho que vens conversar comigo, não entendo muito bem o que me dizes, mas nem imaginas como adoro ouvir o som da tua voz!

Eu sei que fiz algo de errado, senão certamente não me terias colocado aqui. Desculpa! Não quero ser exigente mas começa a doer ter esta corrente atada ao meu pescoço. Ás vezes tenho o pescoço dormente, e outras vezes tenho muita comichão e nem consigo coçar! Sinto o seu peso todos os dias, o peso da solidão que me prende.

Tenho vontade de esticar as pernas e correr e como eu gostava de poder fazer isso contigo. Adorava que me atirasses umas bolas, aí eu podia mostrar-te como sou rápido a correr e como tas trazia rapidamente. Gostava de poder ver o que tu vês, o mundo lá fora é muito grande?

E existem outros como eu?
Ás vezes, tenho sede e alguma fome mas eu aguento em silêncio porque sei que assim que podes vens cá dar-me comida e água, sei que fazes o que podes, eu não quero incomodar, mas sabes, por vezes gostava de ter um pouco da tua companhia.

Sei que talvez alguém te tenha dito que eu não tenho sentimentos, mas olha que é mentira! Nem imaginas quanta alegria sinto quando alguém me toca ou se dirige a mim. Nem sabes quanta tristeza e solidão pesa em mim nas longas horas que não vejo ninguém. Nem sabes o medo que por vezes sinto no Inverno aqui sozinho, e tenho tanta vontade de estar perto de ti.

No outro dia passaram aqui umas pessoas estranhas e puseram-se a olhar cá para dentro e a apontar para mim, riam e atiravam umas pedras na minha direcção. Queriam vir fazer-te mal. Acertaram-me com uma na pata e ontem não consegui levantar-me, mas eu afuguentei-as logo com o meu ladrar.

Eu não quero que ninguém te venha fazer mal…e não quero que te zangues comigo, eu prometo fazer melhor por ti.

Eu sou o teu amigo mais fiel, nunca te irei trair, não guardo rancor, e não tiro nunca o lugar de ninguém, será que tens mais amigos assim no teu mundo? Só queria um pouco mais da tua atenção e amor, uma cama quente no inverno, um local fresco no verão e o teu cheiro a entrar-me nas narinas todos os dias, seguido de um sorriso e uma festa no meu velho lombo.

Eu sei que um dia tu irás chegar aqui e tirar a corrente, e dar-me tudo isto, até lá eu fico quieto à espera. Só não demores muito meu dono, porque estou a ficar velho e começo a ver e ouvir mal. Faltam-me forças e não quero ir, sem viver um pouco contigo.

Teu cão”.

Se virem um cão aprisionado, imprimam esta carta e coloquem na caixa do correio dos donos. Em nome de todos os cães.

Vamos sorrir???

Nada como a ajuda de um amigo para nos fazer superar obstáculos que parecem intransponíveis... Mesmo que na marra! rsrsrsrs



Cãozinho perdido em Cavaleiro-Jaboatão

 Noturno,  que também atende por Nô,  tem 5 anos, é um cocker Preto, que fugiu quando chegava para tomar banho num pet shop em frente à feira livre de Cavaleiro, em Jaboatão. A familia está desesperada. 

Contato: Angélica:9168.8005 ou Milene:9293.7167

Paul McCartney quer Dia do Vegetarianismo na Índia

Poupando vidas, promovendo saúde

Foto: Reprodução/TV Net

O cantor britânico deseja celebrar um estilo de vida sem consumo de carne e quer que seja enaltecida a compaixão pela espécie animal.

A PETA (People for the Ethical Treatment of Animals) revelou que Paul McCartney enviou uma carta ao Primeiro-ministro da Índia, Manmohan Singh, a pedir ajuda para a preservação dos animais.
De acordo com a associação de defesa animal, o ex-Beatle, sublinhou também a importância de ser preservado o ambiente e saúde das pessoas ao mesmo tempo que a vida animal é poupada.
McCartney tem por hábito contribuir para as campanhas de sensibilização da PETA. De acordo com números fornecidos pelo Programa Alimentar das Nações Unidas, em 2003, cerca de 42 por cento dos habitantes da Índia são vegetarianos devido a crenças religiosas e por questões financeiras.

No dia 1 de outubro comemora-se o Dia Mundial do Vegetarianismo. Este dia foi estabelecido em 1977 pela Sociedade Vegetariana Norte Americana. Depois disso, todos os anos, comunidades vegetarianas em todo o mundo têm celebrado o Dia Mundial do Vegetarianismo. Este dia serve para chamar a atenção da comunidade em geral para os problemas causados pelo consumo de carne e ainda para informar sobre as vantagens de uma alimentação vegetariana.

Fonte: TV Net/ ANDA

Não abandone o seu animal!

Homenagem à Paloma, cadela que sofreu maus tratos por abandono, porém cumpriu uma missão ao ajudar humanos e animais. Conheça as consequências e problemas de saúde causados pelo abandono.




"Quando você abandona um cão porque 'já não lhe serve mais', seus filhos aprendem a lição. Talvez façam o mesmo quando você ficar velho"


Cuidado...onda de furtos!!!!

video

Cãozinho cego e abandonado

O ano começa e com ele novas e tristes estorias de maus tratos e abandono, como esta no e-mail que recebi:


"Alguma pessoa que não tem coração, colocou o seu próprio cão  dentro do quintal de minha casa. Trata-se de um poodle cego, aparentemente bem velhinho. Ora, como este animal é velhinho, cego, e fora do seu ambiente que vivia, deve está sofrendo muito, e como não posso de maneira alguma, mantê-lo na minha casa, pois não tenho espaço nem condições gerais de cuidá-lo, visto já existem muitos animais em minha residência, faço um grande apelo, para aqueles que puderem me ajudar, ou mesmo indiquem a alguém que temporariamente, permaneça com esta criatura. O que mais eu fico triste é saber que ainda existe seres humanos para abandonar um animal que durante sua junventude lhe deu tanto amor e felicidade em seu convívio e agora o descarta como uma coisa qualquer".

Muito obrigado
Ruy Barretto

F: (81) 8811-1298/9748-4096/3257-6994

 
DOG MIDIA © 2011 | Designed by Agência Wai!